Influência das cores: 5 dicas para escolher as cores da sua marca

A influência das cores no homem é um grande aliado das empresas na busca por construir marcas de destaque no mercado

Você sabia que quase 85% dos consumidores consideram a cor de um produto como o fator mais importante para efetuar uma compra? De fato, esse pode parecer um dado surpreendente! Mas ele nos dá uma noção exata de quão grande é a influência das cores no processo de vendas.

Agora, imagine como sua empresa pode se beneficiar ao dominar essa prática no branding e em suas ações de publicidade e propaganda!

E é para te ajudar nessa tarefa que preparamos este artigo. Nele, você conhecerá cinco dicas para potencializar a exposição e os resultados de sua marca a partir da escolha de cores. Confira!

Mas por que as cores fazem tanta diferença no marketing e no branding?

Em linhas gerais, as cores são parte essencial para o fortalecimento de brand awareness de uma marca. Afinal, elas ajudam na composição de uma identidade visual que, quando bem executada, oferece uma rápida e positiva identificação pelo público.

Por meio de suas cores, as marcas podem obter duas vantagens competitivas. São elas:

  • Diferenciar-se de seus concorrentes.
  • Transmitir, de maneira indireta, mensagens sobre as qualidades de um produto, os valores de uma empresa, entre outros

De fato, essa combinação se torna uma importante aliada para as marcas na busca por se sobressaírem em mercados cada vez mais concorridos. Inclusive em termos de publicidade.

Para se ter uma ideia, segundo a agência norte-americana Red Crow Marketing, atualmente somos impactados por até 10.000 publicidades por dia! Em 2007, esse número correspondia à metade: 5.000. Já em 1970, era “apenas” um quinto dos valores atuais: 2.000.

E como ocorre a influência das cores na mente humana?

De acordo com um estudo do Instituto de Pesquisas de Cores (CCICOLOR), as pessoas demoram um minuto e 30 segundos para um julgamento subconsciente de um produto ou um ambiente. E entre 62% a 90% dessa avaliação leva em conta apenas as cores.

Mas por que a cor exerce uma influência tão incisiva nesse processo de escolha? A resposta é simples: ela é capaz de despertar no homem os mais variados estados de humor. Sejam eles positivos ou negativos.

Conheça algumas delas abaixo:

  • Amarelo: otimismo, alegria, criatividade
  • Laranja: energia, entusiasmo, excitação
  • Vermelho: amor, coragem, poder
  • Rosa: empatia, sinceridade, sofisticação
  • Azul: confiança, força, serenidade
  • Verde: esperança, saúde, crescimento
  • Cinza: balanço, seriedade, neutralidade
  • Branco: pureza, honestidade, tranquilidade
  • Preto: formalidade, elegância, força

Logo, pode surgir outra questão: por que as cores são capazes de despertar certas emoções, não outras? Isso se explica pelo fato de que crescemos em sociedades que compartilham semelhanças nas visões e vivências.

Por exemplo, ao entrarmos em contato com a natureza, uma das cores predominantes é o verde, presente na vegetação. Nesse sentido, qual cor poderia transmitir melhor um senso de engajamento sustentável que o verde?

Enfim, como escolher as melhores cores para sua marca?

Agora que já sabemos mais sobre esse assunto, é a hora de conferir algumas dicas para caprichar na escolha das cores para a sua marca.

Dica 1: o que você pretende transmitir com seu produto ou marca?

Pode parecer curioso começar uma dica com uma pergunta, não é mesmo? Porém, antes de criar uma identidade visual, é muito importante ter essa questão bem clara na sua mente – e na de toda a equipe de marketing.

A partir daí é possível escolher um esquema de cores que reforce esses valores.

Conheça mais sobre a relação entre gestão de marcas e cultura organizacional neste artigo em nosso blog.

Dica 2: entenda quem é o seu público-alvo

Esse é outro aspecto importante na escolha das cores para sua marca. Mas por que? Simples: as pessoas também tem suas cores preferidas.

Em 2003, um estudo global feito pelo diretor de design da Microsoft, Joe Hallock, revelou que o azul é a cor predileta de homens (57%) e mulheres (35%). Contudo vale ressaltar que essa é uma média geral, e os valores variam de acordo com a faixa etária.

Nesse sentido, uma alternativa é agregar a cor preferida de seu público àquelas que reforcem as qualidades de sua marca.

Dica 3: analise os seus concorrentes e como trabalham a influência das cores

Aqui o objetivo não é meramente ver quais cores estão usando. Mas, a partir da psicologia das cores, entender o que querem transmitir. E, sobretudo, se eles tem “entregue” esses valores.

Para isso, você pode buscar por notícias, pesquisas e feedback de clientes nos perfis da empresa em redes sociais, e, até mesmo, analisar as avaliações em sites de proteção ao consumidor. A partir daí você terá a chance de obter insights de valores e cores que poderá explorar em sua marca.

Dica 4: leve em conta o círculo cromático

Com essa ferramenta é possível encontrar harmonia entre as cores de maneira muito mais simplificada do que testando na prática. Isso é importante não só para a construção da sua marca, mas também para futuras composições em peças impressas, vitrine, mídia OOHmascotes, entre outras.

Dica 5: faça várias versões e teste com seu público

De fato, durante o processo de revitalização de uma marca, você pode ficar em dúvida entre várias cores e combinações. Quando isso ocorrer, uma alternativa para escolher uma delas de modo assertivo é promover pesquisas com seu público a partir das opções disponíveis.

Pergunte a eles não apenas o que sentiram, mas se essa sensação é condizente com a visão deles quanto às qualidades da sua marca.

Caso a sua marca ou o seu produto sejam novos no mercado, você pode buscar a opinião de pessoas com o perfil do seu público-alvo desejado.

Influência das cores é um assunto complexo…

Por fim, não há dúvidas que a influência das cores no marketing e na percepção dos clientes é um tema que reserva grandes desafios. Porém, ao aplicar essas dicas você aumentará suas chances de encantar o mercado!

E agora que você sabe mais sobre como escolher as cores de sua marca, deixe o seu comentário e compartilhe essa página com seus colegas.

Continue em nosso blog e confira mais conteúdos para alavancar o branding awareness de sua empresa.

Posted on 06/06/2022 in Dicas, Marketing, Publicidade

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back to Top